segunda-feira, 30 de julho de 2012

Um Amor Através do Tempo Final em Pensamentos



                                                          Pensamentos Finais :


            Eu nunca pensei em como fica-vá feliz só de estar perto dela, foi muito bom poder compartilhar alguns segundos com ela novamente. A menina portadora de um sorriso estonteante e meigo ao mesmo tempo, capaz de derrubar o mais bruto dos seres humanos. Ah! Se eu tive-se conseguido conquista-lá a alguns meses atrás, seria lindo e ao mesmo tempo pavoroso de tão alucinante e emocionante.
             Memórias de um amor que seguiria através do tempo, sim!, isso mesmo, um amor tão sublime que simplesmente não saberia como conquista-lo.
           Ela é uma pessoa que me faria colocar adjetivos eternamente, sem vontade de parar. (como eu gosto dela) pena que o brilho do anel em sua mão não me deixou continuar em seu caminho, até mesmo porque, o que é lindo e belo devemos deixar livres por si, assim conquistaremos eles se  e só se formos dignos de seus feitos e suas afeições!  ..................................................................... 




             Bom, acho que seria isso a melhor parte da minha vida, não imagino como poderei conhecer uma pessoa tão especial assim, e acho também que não mereço uma chance nova, pois eu peguei a melhor de todas e joguei no lixo, não fui capaz de conquistar o que me faria continuar em  vida  ....

            Agora só me resta um bom livro, com uma poltrona macia, um grande e suculento copo de cafe com o que eu chamo de slurb , uma mistura de tudo que tem em seu banheiro com rótulos de caveirinhas....

          Eu diria que o gosto não é tão ruim, não tão ruim quanto saber que você nunca mais teria chance de recuperar o que mais te faz feliz; que te faz tão bem! Além disto tem gosto de frango o que ameniza  a queimação que causa em sua garganta!

--------------------------------------------------------------||-------------------------------------------------------------------


                                                          J  a  z          a q u i !                 
                                              O Filosofo que sempre procurou!





Nenhum comentário:

Postar um comentário