quarta-feira, 4 de maio de 2011

Nome ... Não sei ,axo que seria "eu quero (que) você" leia !





Eu parei hoje e fiquei pensando em que as pessoas ao meu redor já não necessitam tanto assim do que eu tenho a oferecer. Hoje eu me sinto sozinho, pois mesmo depois de anos conhecendo muitas pessoas eu não consegui atar nada mais que um fio bem fino de relação com elas. Fino a ponto de que com o passar de meses ele se desfaça!

A mesma coisa com amigas, namoradas, pessoas especiais. Eu percebo coisas que por eu não deixar nada passar a minha visão despercebida, fingindo ser uma pessoa avoada, vejo sem querer alguns eventos desagradáveis, não diria errados, aonde tentam me evitar! 
Vejo todos a minha volta seguindo em frente enquanto eu fico estacionado em assuntos que supostamente eles teriam dificuldades e que eu trilharia os mesmo assuntos muito facilmente.
Não foi bem assim. Eu queria o tão famoso ombro para chorar ou simplesmente me encostar e esperar o dia acabar. Estudei, vivi e adquiri conhecimentos diversos que eu pensei que me serviriam, mas de nada adiantam nesse momento, simples para muitos, mas um labirinto para a minha pessoa.
Eu sei que não sou nenhum Príncipe, nem que minhas condições financeiras sejam de algum atrativo a alguém, pelo contrario são de dar dó! Mas se a vida e baseada em iniciativas e escolhas em pontos certos que nos levarão a algo que queremos, porque eu não consigo manter nem conquistar algo tão simples como à felicidade!
Como venho falando a posts não tenho problemas, mas ajudo os que têm e mesmo assim não me deixo levar por influencias para poder dizer:
-Sim, sou eu que mando aqui!
Eu me esforço, mas talvez eu tenha me enganado a vida inteira, ao pensar que planejar as coisas como se fosse tudo baseado em contas e logicas ao invés de tentar simplesmente seguir o fluxo da vida!
Sim! Esse com toda a certeza foi o meu erro, talvez não seja tarde para ver o final da receita mudando os ingredientes agora! Talvez eu consiga sorrir como aquele dia. Outra vês!


Um comentário:

  1. Meu caro,

    Não se desespere, não se preocupe. Apenas se ocupe, cuide do seu jardim. Seja você!

    A felicidade não é contínua e perene para nós, seres humanos. A vida é feita de momentos felizes...saiba buscar esses momentos. Faça com que eles aconteçam.

    Seja o que quer ser. Aja!

    abs,
    seuanonimo.blogspot.com

    ResponderExcluir